Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

CDS de Vila Real contesta novo modelo para a ligação aérea com Trás-os-Montes

Lusa

  • 333

Vila Real, 10 jul (Lusa) - O CDS de Vila Real contesta o novo modelo proposto pelo Governo para a ligação aérea à região de Trás-os-Montes e Alto Douro, suspensa há setes meses, e entende que deve ser reativada com "caráter de urgência".

A deputada Joana Rapazote, em comunicado enviado hoje à Lusa, considerou que o atual executivo deve, além de retomar os voos com 10 mil passageiros anuais, repor o modelo de financiamento de subsidiação à rota da linha área que vigorou até ao final do ano passado.

O Governo decidiu que apenas residentes e estudantes em Trás-os-Montes e Alto Douro receberão subsídio na ligação aérea com Lisboa, mas terão de pagar o bilhete por inteiro e só depois receberão a subvenção.