Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Castigo ao AC Milan por "discriminação territorial" irrita clubes italianos

Lusa

  • 333

Milão, Itália, 08 out (Lusa) -- O castigo de um jogo à porta fechada ao AC Milan e as acusações de racismo por cânticos anti-napolitanos entoados pelos seus adeptos na partida com o Nápoles, suscitaram hoje reação enérgica por parte dos clubes italianos em geral.

Alguns deles reivindicam mesmo o direito dos seus adeptos terem reações infantis e de serem mal-educados.

Oficialmente, de acordo com um comunicado da Liga italiana de futebol, hoje divulgado, o AC Milan não foi punido por racismo, mas sim por "discriminação territorial" por parte dos adeptos milaneses, durante a partida frente à Juventus de Turim no domingo. Esta noção jurídica foi muito contestada por vários quadrantes do futebol transalpino.