Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Castelo Branco: Governo podia minimizar despedimentos em centro de Segurança Social - Sindicato

Lusa

  • 333

Castelo Branco, 27 jun (Lusa) - O Sindicato da Função Pública responsabilizou hoje o Governo por não ter minimizado o despedimento de 400 trabalhadores do centro de atendimento Via Segurança Social em Castelo Branco.

O contrato entre o Instituto de Segurança Social e a empresa de recursos humanos RH Mais de concessão do centro termina no sábado, dia 30 de junho, e segundo Cristina Hipólito, dirigente do Sindicato da Função Pública, houve "uma falha" no concurso que permitiria que a estrutura continuasse a funcionar.

Para aquela dirigente, "intencional ou não, há aqui uma falha", considerando que o concurso público internacional que ainda está a decorrer devia ter sido lançado a tempo de o novo período de concessão estar adjudicado a partir de 01 de julho.