Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Caso BCP: Defesa de Jardim Gonçalves pede absolvição e diz que pedido de indemnização viola a lei

Lusa

  • 333

Lisboa, 11 set (Lusa) -- O advogado de Jorge Jardim Gonçalves pediu hoje a absolvição do ex-presidente do BCP "em face da ausência de imputação factual de elementos necessários à sua conduta nos crimes de manipulação de mercado e falsificação de contas".

Manuel Magalhães e Silva considerou ainda que o pedido feito ontem pelo Ministério Público (MP) de uma indemnização "não inferior" a 10 milhões de euros como condição de suspensão da pena de cinco anos de prisão pedida para Jardim Gonçalves viola o princípio da tipificação, uma vez que - ainda que a indemnização pudesse ser pedida, o que o causídico também contestou - o montante nunca poderia ultrapassar um milhão de euros.

"À falta de razões, [o MP] avançou com milhões", acusou o advogado, criticando a "preocupação justiceira em relação a este processo".