Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Casinos deixam de pagar impostos após terem colocado Estado em tribunal

Lusa

  • 333

Lisboa, 29 jan (Lusa) - Os casinos portugueses colocaram o Estado em tribunal por considerarem que o regime tributário está num "paradoxo" e é "inconstitucional", uma vez que os impostos são superiores às receitas, revelou a associação.

Jorge Armindo, presidente da Associação Portuguesa de Casinos (APB), afirmou aos jornalistas que, perante este processo no Tribunal Administrativo, os casinos portugueses não vão entregar as suas contribuições ao Estado enquanto decorrer a ação em tribunal.

O presidente da APC sublinhou que os casinos "não vão continuar a pagar as contrapartidas[impostos] e vamos fazer aquilo que a lei obriga que é prestar garantias de bom pagamento", acrescentando que, em média, os casinos portugueses entregam ao Estado cerca de 10 milhões por mês.