Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Carruagens da CP vão ser "galerias" de arte pública até ao fim do ano

Lusa

  • 333

Porto, 27 mai (Lusa) - A moda de pintar carruagens de comboios com graffiti de inspiração e qualidade variáveis já tem alguns anos, mas a CP - Comboios de Portugal decidiu elevá-la ao estatuto de arte pública.

O convite foi feito a seis artistas plásticos - com destaque para Alexandre Farto, ou "Vhils", celebrizado pela arte urbana em que escava paredes para revelar rostos - que redecoraram sobretudo o interior de carruagens do norte ao sul do país para o projeto JANELA, dirigido pela associação sem fins lucrativos P28.

As mensagens aplicadas em vinil pelo interior das carruagens estacionadas na estação de Contumil deixam adivinhar eventuais conversas atípicas ao longo das viagens sobre carris: "Tens medo que faça amor contigo?", "Às vezes não falo com as pessoas para ver se sentem a minha falta" ou "Sou infeliz", correm o risco de parecer balões de banda desenhada sobre os passageiros que sob elas se sentem.