Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Carro de palestiniano incendiado em aparente crime de ódio

Lusa

Jerusalém, 25 out (Lusa) -- Um carro de um palestiniano foi hoje incendiado em Jerusalém Oriental e slogans racistas escritos sobre o veículo, no que aparenta ser um crime de ódio, indicou a polícia israelita.

O incidente aconteceu em Umm Tuba e, segundo a polícia, os atacantes escreveram "Morte aos árabes" no carro, e "vingança administrativa" junto à casa do proprietário do veículo.

Este ataque apresenta semelhanças com outros anteriores descritos como ataques de "etiqueta de preço", um eufemismo para crimes de ódio, motivados por nacionalismo, levados a cabo por judeus, em que os alvos são maioritariamente propriedades palestinianas ou de árabes israelitas, mas também espaços de culto cristãos e muçulmanos.