Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Carlos Costa considera urgente estratégia para absorção de desemprego estrutural

Lusa

  • 333

Porto, 06 set (Lusa) -- O governador do Banco de Portugal, Carlos Costa, considerou hoje urgente definir uma estratégia para que a economia portuguesa integre o desemprego estrutural, algo que não pode ser "deixado ao fruto das circunstâncias".

"Temos hoje um problema imediato que é um elevado nível de desemprego. Esse desemprego tem uma componente cíclica, (...) mas tem uma componente estrutural que tem a ver com o facto de, no novo quadro que resulta do ajustamento da economia portuguesa, não haver lugar para emprego que seja fundamentado apenas numa procura sustentada pelo endividamento", disse Carlos Costa.

O governador do Banco de Portugal falava durante a cerimónia de apresentação do Centro de Competências de Inovação e Desenvolvimento de Produtos e Serviços da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto.