Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Canoagem espera "merecido" aumento do apoio do Estado para "reforçar" caminho de sucesso

Lusa

  • 333

Vila Nova de Gaia, 05 nov (Lusa) - Mário Santos assumiu hoje o terceiro mandato na presidência da Federação Portuguesa de Canoagem, empenhado em "melhorar os excelentes resultados" que a modalidade tem alcançado, contando com o "apoio devido e merecido" por parte do Estado.

"Conquistámos resultados de invejável mérito e consistência, mas queremos melhorar. Todos os êxitos alcançados - 64 medalhas internacionais em oito anos - são apenas parte de um caminho que estamos a trilhar, mas ainda longe da meta", vincou.

Para "continuar a dar muitas alegrias aos portugueses", o dirigente conta com maiores apoios por parte da tutela: "Há menos dinheiro? Então o importante é investir bem. E quando se fala em desporto, é preciso avaliar os resultados e aferir os objetivos do mesmo. A canoagem justifica estar entre as federações mais apoiadas. É isso que esperamos e está prometido de acordo com o novo modelo de financiamento divulgado".