Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Campos Ferreira diz que Finanças têm "faca e queijo na mão" para Banco de Fomento

Lusa

  • 333

São Paulo, 06 jun (Lusa) - O deputado do PSD Luís Campos Ferreira culpou o Governo de estar a atrasar a criação do Banco de Fomento, acrescentando que é o Ministério das Finanças que tem "a faca e o queijo na mão".

O também presidente da Comissão de Economia na Assembleia da República, que falava aos jornalistas em São Paulo, Brasil, à margem de uma iniciativa da EDP, disse que sobre o Banco de Fomento o melhor seria "perguntar às Finanças porque ainda não surgiu" a instituição já que é o ministro das Finanças, Vítor Gaspar, que "tem a faca e o queijo na mão".

Luís Campos Ferreira, um dos principais defensores da criação de um banco que financie a economia a taxas mais baixas e atrativas, acrescentou que o Banco de Fomento "tem de estar a funcionar o mais tardar antes da aprovação do Orçamento do Estado para 2014" sob pena de se chegar tarde.