Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Camionista condenado a quatro anos e seis meses de prisão efetiva por violação de turista

Lusa

  • 333

Rio Maior, 30 out (Lusa) -- O coletivo de juízes do Tribunal de Rio Maior condenou hoje o camionista acusado de ter violado em abril uma turista dinamarquesa a quatro anos e seis meses de prisão efetiva.

O presidente do coletivo, Arlindo Crua, considerou a pena "branda" tendo em conta a gravidade dos factos, afirmando não haver "nada que desculpe" que uma pessoa que se encontre à boleia, gozando de um direito de liberdade de circulação, seja sujeito a este tipo de ato.

O coletivo considerou provado que, no dia 16 de abril último, junto a Leiria, Marco Ribeiro, 31 anos, voltou para trás para dar boleia à jovem, que se encontrava em Portugal no âmbito de uma viagem pela Europa que a tinha levado já a 23 países.