Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Câmaras de comércio bilateral precisam de "reconhecimento oficial" para poderem crescer -- CCIFP

Lusa

  • 333

Paris, 10 fev (Lusa) -- O presidente da Câmara de Comércio e Indústria Franco-Portuguesa (CCIFP) considera que as câmaras de comércio bilateral precisam de um "reconhecimento institucional e oficial do Governo português" para poderem crescer e ajudar a atrair investimentos para Portugal.

Em declarações à agência Lusa, Carlos Vinhas Pereira afirmou que o pedido que faz não é exclusivo para a câmara de comércio bilateral a que preside, mas deu o exemplo da CCIFP para explicar por que considera que este reconhecimento, e consequentes ajudas financeiras, podiam ser importantes para a economia portuguesa.

"Nós somos a segunda câmara do comércio em termos de membros -- 350 empresas --, a seguir à câmara do Rio de Janeiro, que tem 100 anos. Mas há em França 45 mil empresas portuguesas. Podemos crescer. Mas para ir à procura destas empresas temos que ter meios, temos que ter pessoal para visitá-las, temos que poder oferecer serviços, ter meios de comunicação, meios informáticos", explicou.