Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Câmara dos Representantes insiste em adiar reforma da saúde

Lusa

  • 333

Washington, 01 out (Lusa) -- A Câmara dos Representantes, de maioria republicana, aprovou hoje uma nova lei de financiamento que adia a aplicação da reforma da saúde, uma decisão que coloca o governo norte-americano numa posição de ter de 'fechar' as portas.

O Senado, liderado pelos democratas deverá, contudo, chumbar o diploma e sem qualquer lei que regulamente as despesas do governo federal, a paralisação é, para já, a consequência mais provável.

JCS // JCS