Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Câmara do Porto acusa Governo de contradição quando fala em crescimento e emprego

Lusa

  • 333

Porto, 06 mar (Lusa) -- A Câmara do Porto acusou hoje o Governo de contradição quando fala em complementar austeridade "com crescimento económico e emprego", ao mesmo tempo que dificulta investimentos públicos com "efeitos multiplicadores" na economia e no investimento privado.

O Governo contradiz "o seu próprio discurso político quando afirma que a austeridade tem de ser complementada com crescimento económico e criação de emprego", critica a câmara liderada pelo social-democrata Rui Rio, em comunicado enviado à Lusa.

Em causa está o "efeito multiplicador direto" da ação da Porto Vivo -- Sociedade de Reabilitação Urbana (SRU) que o executivo de Pedro Passos Coelho "tem vindo a combater", alerta o município.