Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Câmara de VRS António pede reunião com tutela para discutir acordo fronteiriço do Guadiana

Lusa

  • 333

Vila Real de Santo António, 10 mai (Lusa) - A Câmara de Vila Real de Santo António (VRSA) revelou hoje que pediu uma reunião de urgência com o secretário de Estado do Mar para discutir a renovação do Acordo Fronteiriço do Rio Guadiana, contestada pelos pescadores do concelho.

Segundo a autarquia, as associações de pescadores argumentam que a prorrogação automática do acordo, nos termos em que está formulado, prejudica toda a atividade pesqueira, uma vez que não existe correspondência entre as formas de captura dos dois países, o que tem gerado incidentes entre a frota espanhola (de arrasto) e a portuguesa (que utiliza artes fixas).

Em comunicado, o presidente da Câmara de VRSA(PSD), Luís Gomes, refere estar solidário com as principais associações do concelho, que defendem a redução, para metade, do número de licenças a conceder aos pescadores espanhóis, e a limitação da pesca com ganchorra.