Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Câmara de Lisboa quer construir silo autómóvel em imóvel devoluto no Bairro Alto

Lusa

  • 333

Lisboa, 17 dez (Lusa) - A Câmara de Lisboa quer ceder à Empresa Municipal de Estacionamento de Lisboa (EMEL) um edifício devoluto no Bairro Alto, para a construção de um silo automóvel para quase 200 lugares de estacionamento e um pólo cultural.

Segundo uma proposta a que a agência Lusa teve hoje acesso, e que tem discussão agendada para a reunião de executivo de quarta-feira, os vereadores da Reabilitação Urbana, Manuel Salgado, e da Mobilidade, Nunes da Silva, consideram que é fundamental "assegurar a existência de lugares de estacionamento" para residentes e visitantes 24 horas por dia e 365 dias por ano para a requalificação urbana do Bairro Alto.

Nesse sentido, a câmara pretende ceder à EMEL, gratuitamente e por 50 anos, um prédio municipal, que ocupa vários números da Rua Diário de Notícias, a Rua do Norte e a Travessa Poço da Cidade, cujos interiores estão "destruídos, por falta de obras de conservação e por profundas modificações realizadas por antigas tipografias" que ali estiveram instaladas.