Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Câmara de Castelo Branco acusa Segurança Social e Governo de falta de respeito devido a fecho de centro

Lusa

  • 333

Castelo Branco, 10 dez (Lusa) - A Câmara de Castelo Branco acusou hoje o Instituto de Segurança Social e o Governo de não cumprir "o dever de lealdade e respeito institucional entre entidades legítimas" devido ao fecho do Centro de Atendimento da Segurança Social.

O equipamento foi encerrado no passado dia 05.

No comunicado, a autarquia contesta uma decisão que diz ser unilateral e "condena veementemente a atuação do Instituto de Segurança Social e do Ministério da Solidariedade e da Segurança Social, que ao longo deste processo nunca deu qualquer explicação ao seu parceiro [Câmara de Castelo Branco], nem atuou como pessoa de bem".