Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Caça: Atividade de luxo que também sente os efeitos da crise - Fencaça

Lusa

  • 333

Redação, 14 jan (Lusa) -- Em Portugal existem cerca de 120 mil caçadores e à volta de 20 mil praticantes da chamada caça grossa (javali, gamo, veado, corço ou muflão), uma "atividade de luxo" que também está a sentir os efeitos da crise.

"Estamos a atravessar tempos difíceis" afirmou à agência Lusa Jacinto Amaro, presidente da Federação Portuguesa de Caça (FENCAÇA), organização criada há 20 anos.

O responsável classificou a caça como um "produto de luxo", dispendioso, e referiu que Portugal tem perdido cerca de "10 mil caçadores ao ano".