Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Cabo Verde introduz novas espécies fruteiras na agricultura com financiamento da UE

Lusa

  • 333

Cidade da Praia, 14 mai (Lusa) - O Governo cabo-verdiano está a introduzir novas árvores fruteiras no país, como framboesa, amora e mirtilo, projeto financiado pela União Europeia (UE) no valor de 500 mil euros, noticiou hoje a Inforpress.

A introdução das novas plantas é coordenada pelo Instituto Nacional de Investigação e Desenvolvimento Agrário (INIDA), com o apoio da União Europeia (UE).

Segundo o INIDA, a introdução das novas fruteiras está inserida no projeto de relançamento da cultura da banana cofinanciado pela UE (no valor de 500 mil euros) e pelo Governo de Cabo Verde (100 mil euros) no montante total de 600 mil euros.