Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Cabo Verde: Exemplo de escola profissional portuguesa vai permitir parcerias com universidades

Lusa

  • 333

Cidade da Praia, 07 jun (Lusa) - O Governo cabo-verdiano defendeu hoje que o exemplo de sucesso da Escola de Negócios e Tecnologias de Cabo Verde (ENTCV), pertencente à empresa portuguesa Magensinus, vai abrir portas a parcerias com os nove institutos de ensino superior no arquipélago.

O desafio foi lançado por António Correia e Silva, ministro do Ensino Superior, Ciência e Inovação de Cabo Verde, na apresentação do Concurso de Ideias de Inovação e Energias Renováveis lançado pela escola de formação profissional portuguesa, inaugurada na Cidade da Praia em novembro de 2009 e que existe em Portugal há 23 anos.

"É um exemplo a seguir e a prosseguir. Queremos escolas que acreditem nos jovens a terem conhecimentos teóricos e técnicos, mas também com uma postura de empregabilidade. Não há futuro numa formação se não for virada para o empreendedorismo", disse Correia e Silva, indicando estar em curso um estudo visando dinamizar a dimensão profissionalizante, virada para a inovação e a iniciativa, no Ensino Superior.