Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Cabo da GNR acusado de violação de menores condenado a 11 anos de cadeia

Lusa

  • 333

Idanha-a-Nova, 25 nov (Lusa) - O Tribunal de Idanha-a-Nova condenou hoje a 11 anos de cadeia um cabo da GNR que estava acusado de crimes de abuso sexual de adolescente, violação de crianças e recurso à prostituição infantil.

O coletivo de juízes deu como provados "quase todos os factos constantes na acusação" e aplicou ainda pena efetiva de cinco anos de cadeia à mulher de 36 anos que estava acusada de ter praticado parte dos crimes em coautoria com o militar.

Um terceiro arguido, um homem de 58 anos que respondia por um crime de abuso sexual e de recurso à prostituição, foi condenado a três anos e 11 meses de cadeia.