Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Cabeleireiro dono do Birmingham City começou a ser julgado em Hong Kong por branqueamento de capitais

Lusa

  • 333

Hong Kong, 28 nov (Lusa) -- O empresário Carson Yeung Ka-sing, proprietário do Birmingham City, foi hoje presente a Tribunal em Hong Kong no âmbito do processo de branqueamento de capitais que envolve dezenas de milhões de dólares, tendo a sua defesa alegado inocência.

O julgamento começou hoje e deverá estar concluído no prazo de 15 dias.

O magnata do futebol inglês e antigo cabeleireiro Carson Yeung Ka-sing, de 52 anos, foi detido em junho do ano passado e acusado da prática de cinco crimes de lavagem de dinheiro.