Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Bruxelas chama a si decisão de desencadear processos de resolução de bancos

Lusa

  • 333

Bruxelas, 10 jul (Lusa) -- A Comissão Europeia apresentou hoje a sua proposta para um Mecanismo Único de Resolução bancário, segundo a qual será o executivo comunitário a decidir quando é que se justifica proceder à resolução de um banco em dificuldades.

Este mecanismo de resolução, que estará dotado de um fundo único (financiado por contribuições do setor bancário), visa complementar o Mecanismo Único de Supervisão, que estará operacional no final de 2014, no âmbito do qual o Banco Central Europeu (BCE) exercerá uma supervisão direta sobre os (cerca de 6.000) bancos da área do euro, bem como noutros Estados Membros que decidam aderir à união bancária.

O objetivo do mecanismo de resolução é garantir que, mesmo que com uma supervisão mais forte, um banco sujeito ao mecanismo de supervisão se vir confrontado com graves dificuldades, a sua resolução pode ser gerida de forma eficaz com custos mínimos para os contribuintes e para a economia real, em mais um esforço para separar o risco bancário do risco soberano.