Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Bruxelas aguarda posição do Governo para fechar planos de reestruturação dos bancos

Lusa

  • 333

Lisboa, 17 jun (Lusa) -- A concretização das negociações com Bruxelas relativas aos processos de reestruturação dos bancos que beneficiaram de dinheiros públicos está dependente do envio pelo Governo de informação à Comissão Europeia, disse à Lusa fonte da Direção-Geral da Concorrência.

"As autoridades portuguesas têm de apresentar compromissos que estejam de acordo com as regras de ajudas de Estado da União Europeia. Quando isto acontecer, a Comissão [Europeia] estará pronta para tomar uma posição", disse à Lusa fonte oficial da Direção-Geral da Concorrência, que está com este dossiê, adiantando ainda que as negociações "decorrem de um modo construtivo".

Os bancos portugueses que recorreram ao Estado para se recapitalizarem (CGD, BCP, BPI e Banif) estão a negociar com Bruxelas, através do Ministério das Finanças, os planos de reestruturação que definirão a sua estratégia até 2017.