Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Bruno de Carvalho acusa direção do Sporting de ter destruído documentação das últimas eleições antes do prazo

Lusa

  • 333

Lisboa, 15 mar (Lusa) - O candidato à presidência do Sporting Bruno de Carvalho acusou hoje a atual direção do clube de ter destruído a documentação das últimas eleições antes do prazo previsto pela lei.

O candidato pela lista B, que falava num encontro com vários órgãos de comunicação social, adiantou que a direção presidida por Godinho Lopes "destruiu documentos que poderiam comprovar tudo aquilo que se disse sobre as eleições" de 2011, numa alusão às dúvidas que surgiram após ter sido derrotado pelo atual presidente demissionário, Godinho Lopes.

"Vou reforçar que os documentos das últimas eleições foram destruídos por esta direção, antes do prazo previsto, que é de um ano. Isso é um facto. Os documentos que poderiam comprovar tudo aquilo que se disse sobre as eleições foram destruídos por esta direção antes do tempo previsto para se destruir", afirmou.