Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

BPN: Coelho Marinho, Arlindo de Carvalho e Oliveira Costa acusados de burla e fraude fiscal

Lusa

  • 333

Lisboa, 07 mar (Lusa) - O ex-administrador do BPN António Coelho Marinho é um dos nove arguidos, juntamente com Arlindo de Carvalho e Oliveira e Costa, acusados na terça-feira de burla, abuso de confiança e fraude fiscal, disse fonte da defesa.

A mesma fonte precisou à Agência Lusa que António Coelho Marinho está entre os nove arguidos acusados pelo Ministério Público, entre os quais está também uma empresa, a Amplimóveis, imobiliária presidida pelo antigo ministro da Saúde Arlindo de Carvalho.

Além de Coelho Marinho, Arlindo de Carvalho e Oliveira e Costa, que fundou e presidiu ao BPN (Banco Português de Negócios), são igualmente arguidos Luís Caprichoso e Francisco Sanches, ex-administradores do BPN e da SLN (Sociedade Lusa de Negócios), que detinha o banco.