Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

BE da Guarda contra o eventual encerramento de serviços públicos no distrito

Lusa

  • 333

Guarda, 21 out (Lusa) - A Comissão Coordenadora Distrital da Guarda do Bloco de Esquerda (BE) manifestou-se hoje contra o eventual encerramento de mais serviços no distrito, por considerar que são "fundamentais para servir as populações".

O coordenador distrital do BE, Marco Loureiro, pronunciou-se hoje em conferência de imprensa sobre os vários problemas que atingem a Guarda e denunciou que após o fecho de escolas, de serviços de saúde e de postos dos CTT, o Governo prepara-se para "um novo ataque nas repartições de finanças do distrito".

De acordo com o mapa da alegada reorganização dos serviços de finanças, divulgado este mês pelo Diário de Notícias, vão encerrar no distrito da Guarda as repartições de Aguiar da Beira, Almeida, Celorico da Beira, Figueira de Castelo Rodrigo, Fornos de Algodres, Manteigas, Mêda, Pinhel, Trancoso e Vila Nova de Foz Côa.