Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

BCP quer voltar ao lucro em Portugal após a reestruturação

Lusa

  • 333

Lisboa, 29 jul (Lusa) - O BCP está "mais forte" e "mais sólido" após a reestruturação operada nos últimos anos no banco, na opinião do presidente Nuno Amado, que aponta para o regresso ao lucro na atividade doméstica como o próximo grande desafio.

"Temos um BCP renovado para atingir os objetivos principais: alcançar o 'break even' [resultados positivos] em Portugal e apoiar os particulares e empresas", afirmou hoje o mesmo responsável, numa conferência de imprensa em Lisboa.

O prejuízo de 488,2 milhões de euros entre janeiro e junho "é ainda um resultado bastante negativo", admitiu Nuno Amado, considerando que o novo ciclo que se abre no banco dará frutos a médio prazo.