Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

BCP espera deixar de ter prejuízos na segunda metade de 2014

Lusa

  • 333

Lisboa, 04 nov (Lusa) - O presidente do Banco Comercial Português (BCP), Nuno Amado, revelou hoje que a entidade quer deixar de apresentar resultados negativos no decorrer do segundo semestre do próximo ano.

"O banco deve atingir o 'break even' [ponto de balanço que define lucros ou perdas] no segundo semestre do ano que vem", afirmou o banqueiro, no dia em que o BCP apresentou as contas dos primeiros nove meses, traduzidas por um prejuízo de 597 milhões de euros.

Nuno Amado escusou-se a especificar se essa meta implica o fim dos prejuízos na atividade doméstica, ou se a mesma só será possível graças ao contributo das operações internacionais do banco, na Polónia, em Angola e em Moçambique.