Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

BCE vai exigir aos bancos um capital mínimo de 8% nos testes de 'stress'

Lusa

  • 333

Lisboa, 23 out (Lusa) -- O Banco Central Europeu (BCE) vai exigir aos bancos europeus, dos quais quatro portugueses, um rácio de capital mínimo de 8% nos testes de 'stress' que vai realizar antes de assumir a supervisão bancária única em 2014.

O BCE vai começar em novembro a realizar várias avaliações a 130 bancos de 18 Estados-membros, cobrindo cerca de 85% dos ativos do sistema bancário da zona euro. Em Portugal, serão quatro os bancos avaliados - BPI, BCP, CGD e Grupo Espírito Santo -- numa avaliação conjunta com o Banco de Portugal, que seguirá as regras definidas pelo BCE.

Nos testes de 'stress' que levará a cabo, uma das três fases do processo de avaliação que vai fazer ao sistema bancário europeu e que estará terminado apenas em outubro do próximo ano, o BCE vai exigir um rácio de capital mínimo (medido pelo Common Equity Tier 1, capital de melhor qualidade de cada banco) de 8%: 4,5% de capital básico e 2,5% de uma 'almofada' de capital para fazer face a imprevistos. Aos bancos considerados sistémicos será ainda pedido mais 1% neste rácio de capital.