Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Barclays e Credit Suisse passam a deter posições longas no capital da PT

Lusa

  • 333

Lisboa, 13 mai (Lusa) -- O Barclays e o Credit Suisse investiram no início de maio na compra de títulos da Portugal Telecom (PT), passando ambos a deter posições longas superiores a 2% na operadora, revelou hoje a empresa liderada por Zeinal Bava.

A PT deu conta destas posições em dois comunicados enviados à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

No caso do banco britânico, a posição económica longa na PT representa 3,27% do capital social e respetivos direitos de voto, devido às quase 30 milhões de ações que estão em sua posse.