Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Barak garante que Israel reagirá "mais severamente" perante novos disparos sírios

Lusa

  • 333

Jerusalém, 11 nov (Lusa) - O ministro da Defesa Ehud Barak alertou que Israel reagirá "mais severamente" caso voltem a registar-se novos disparos sírios como os ocorridos hoje, advertindo também o governo do Hamas que pagará um preço "doloroso" pelos recentes disparos.

As declarações do ministro israelita Ehud Barak surgem na sequência dos disparos de aviso realizados pelo exército israelita na direção da Síria, depois de uma granada de morteiro síria ter caído no norte de Israel. Os disparos feitos hoje pelo exército israelita foram os primeiros desde o final da guerra israelo-árabe de outubro de 1973.

O ministro Ehud Barak criticou a explosão de um morteiro nas Colinas de Golan ocupadas por Israel, sublinhando: "Um outro tiro em território israelita causará uma reação mais forte e a Síria pagará o seu preço".