Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Bankia vai cortar 6.000 postos de trabalho e fechar 1.100 escritórios

Lusa

  • 333

Madrid, 28 nov (Lusa) - O banco espanhol Bankia, nacionalizado, vai cortar 6.000 postos de trabalho (mais de 25% dos seus quadros) e fechar 1.100 escritórios no âmbito dos planos de recapitalização aprovado pelo Banco de Espanha e pela Comissão Europeia.

O modelo, informou a entidade, não implica necessariamente o despedimento de todos os afetados, já que podem ser incluídos num plano de venda de negócios a concretizar ao longo de vários anos.

Trata-se, explicou a entidade, de um corte de 28% do número de efetivos e de uma redução de 39% no número de escritórios, reduções que, a par da restante reestruturação permitirá o regresso aos lucros em 2013.