Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Bangladesh: Human Rights Watch denuncia tortura de indivíduos acusados do motim de 2009

Lusa

  • 333

Nova Deli, 04 jul (Lusa) -- A organização Human Rights Watch (HRW) denunciou hoje os "abusos repetidos, torturas e assassinatos" levados a cabo contra alguns dos indivíduos que se encontram detidos no Bangladesh na sequência do motim armado de 2009.

O motim protagonizado pela guarda especial de fronteiras (BDR) culminou na morte de 74 pessoas e detenção de mais de quatro mil.

"Esses responsáveis pela violência que causou 74 mortos devem ser levados à Justiça, mas isso não significa que possam ser torturados ou processados de forma injusta", afirma em comunicado o diretor para a Ásia da HRW, Brad Adams.