Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Banco Mundial defende utilização dos recursos naturais no combate à pobreza em Moçambique

Lusa

  • 333

Maputo, 04 dez (Lusa) - O vice-presidente do Banco Mundial para o Setor Económico, o brasileiro Otaviano Canuto, afirmou hoje em Maputo que a instituição está pronta para ajudar o Governo moçambicano a utilizar os "abundantes recursos naturais no combate à pobreza".

Otaviano Canuto perspetivou um "futuro brilhante" para Moçambique, com os recursos naturais, nomeadamente gás e carvão, que o país tem vindo a descobrir, em declarações aos jornalistas, após se ter reunido com o primeiro-ministro moçambicano, Alberto Vaquina, no âmbito de uma visita que realiza ao país.

"O primeiro-ministro falou dos desafios e o que há por fazer para que Moçambique tenha um futuro brilhante que se vislumbra, em que a riqueza dos recursos minerais seja o veículo para, definitivamente, se terminar a pobreza e garantir uma prosperidade compartilhada", afirmou o vice-presidente do Banco Mundial para o Setor Económico.