Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Aviação: Greve dos tripulantes de cabine da Lufthansa afeta Berlim, Frankfurt e Munique

Lusa

  • 333

Frankfurt, 04 set (Lusa) - Os tripulantes de cabine da companhia aérea alemã Lufthansa retomaram hoje uma greve para exigir melhores salários que abrange os aeroportos de Berlim, Frankfurt e Munique, o que causou o cancelamento de centenas de voos.

Na capital alemã, a greve iniciou-se às 05:00 locais (04:00 em Lisboa) e vai prolongar-se até às 13:00 (12:00 em Lisboa), em Frankfurt vai realizar-se entre as 06:00 e as 14:00 (entre as 05:00 e as 13:00 em Lisboa) e em Munique entre as 13:00 e as 00:00 (entre as 12:00 e as 23:00 em Lisboa).

A paralisação foi convocada pelo sindicato Ufo, que representa a maioria dos 19 mil tripulantes de cabine da Lufthansa, depois de três anos de congelamento salarial e de 13 meses de negociações infrutuosas e pretende reivindicar aumentos salariais de cinco por cento e a desistência do plano da Lufthansa de contratar pessoal externo para reduzir custos.