Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

AVC diminuiu, mas resultados seriam melhores se população ouvisse especialistas

Lusa

  • 333

Porto, 29 jan (Lusa) -- A incidência e mortalidade por acidente vascular cerebral (AVC) está a diminuir em Portugal, mas os resultados poderiam ser melhores se a população acatasse as recomendações dos especialistas, disse hoje à Lusa o presidente da Sociedade Portuguesa do AVC.

"Onde falha é na população. Estamos fartos de ensinar os fatores de risco, corrigem-nos mal. Estamos fartos de ensinar os principais sinais de AVC, desprezam-nos. Estamos fartos de dizer que é preciso chamar o 112 e exigir ser levado a um hospital que tenha unidade de AVC, e não o fazem", lamentou Castro Lopes.

Em declarações à Lusa a propósito da 7.ª edição do Congresso Português do AVC, que começa na quinta-feira no Porto, Castro Lopes apelou à população para que participe numa sessão informativa gratuita sobre a doença que decorrerá sábado, à tarde, no Porto Palácio Hotel.