Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Autoridades dos EUA aprovam primeiro "pâncreas artificial" do país

Lusa

  • 333

Washington, 28 set (Lusa) -- A Administração de Alimentos e Medicamentos (FDA, na sigla em inglês) dos Estados Unidos aprovou o uso do primeiro "pâncreas artificial" do país, uma bomba desenhada para travar automaticamente a administração de insulina em pacientes com diabetes.

A fabricante, a Medtronic, anunciou, esta sexta-feira, a aprovação por parte da FDA, indicando que se trata do primeiro sistema nos Estados Unidos capaz de interromper, de forma automática, a provisão de insulina quando os níveis de açúcar no sangue são demasiado baixos.

O dispositivo, denominado MiniMed, inclui um sensor que envia um alerta se os níveis forem demasiado baixos e, se a pessoa estiver a dormir, inconsciente ou incapaz de reagir, a bomba 'apaga-se' durante duas horas.