Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Autoridades angolanas têm que repensar políticas para preservar equilíbrio ambiental - ambientalista

Lusa

  • 333

Luanda, 20 fev (Lusa) -- A preservação ambiental em Angola só poderá ser garantida depois do Estado repensar as políticas para o setor, disse à Lusa o ambientalista Vladimir Russo, reagindo à notícia do eventual encerramento do Parque Nacional da Mupa, criado em 1965.

A possibilidade de mudança de categoria ou de encerramento do Parque Nacional da Mupa, localizado na província do Cunene, no sul de Angola, devido à ação humana foi divulgada pela agência noticiosa Angop, que citava, sem identificar, uma fonte do Ministério do Ambiente, o aumento de habitantes, fazendas agrícolas e a construção de residências -- até 2007 havia já 575 -- para justificar essa alteração.

Em declarações à Agência Lusa, Vladimir Russo disse que a falta de apoios para a gestão do parque, criado na era colonial, levou a uma situação de abandono, durante muitos anos.