Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Autoridade da Concorrência analisa compra do negócio de saúde da CGD

Lusa

  • 333

Lisboa, 20 dez (Lusa) -- A Autoridade da Concorrência está a analisar a compra do grupo de saúde da CGD pelos brasileiros da AMIL, que adquiriram o controlo exclusivo dos Hospitais Privados de Portugal - HPP, de acordo com o site do regulador.

A operação de concentração foi notificada à Autoridade na semana passada pela sociedade anónima AMIL Participações, uma empresa do Grupo UnitedHealth ("Grupo UHG") que explora no Brasil uma rede de hospitais e clínicas e que em Portugal está presente através da AdvanceCare.

Com esta aquisição os brasileiros passam a ter em Portugal a rede de unidades hospitalares e de clínicas de saúde da HPP, localizadas no Grande Porto (Hospital da Boavista), Baixo Vouga (Hospital da Misericórdia de Sangalhos), Grande Lisboa (Hospital dos Lusíadas) e Algarve (Hospital de S. Gonçalo/Lagos, Hospital de Santa Maria/Faro, Hospital de Albufeira, Clínica Fórum Algarve e Clínica Infante).