Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Autárquicas: Menezes quer entidade metropolitana a decidir transportes no Porto

Lusa

  • 333

Porto, 25 jul (Lusa) -- O candidato do PSD à Câmara do Porto, Luís Filipe Menezes, defendeu hoje a atribuição de poder decisório à Autoridade Metropolitana de Transportes (AMT) para evitar que a política para esta área esteja "centralizada em Lisboa".

"Defendemos uma primeira questão prévia, institucional, que tem de ser resolvida, que é existir uma entidade com poderes alargados para decidir sobre política de transportes. A AMT nunca teve esses poderes, é tutelada pelo Estado e devia ser pela Junta Metropolitana do Porto e devia ter poderes alargados para tomar decisões em vez de ser um mero órgão de planeamento", afirmou o candidato.

Em declarações aos jornalistas depois de uma reunião com a Comissão de Trabalhadores da Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP), Menezes vincou tratar-se de uma questão a acautelar "no futuro" para evitar continuar "com uma política de transportes centralizada em Lisboa".