Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Autarquias: Porto quer receber como Lisboa pela cedência de terrenos aeroportuários

Lusa

  • 333

Porto, 30 jul (Lusa) -- O presidente da Câmara do Porto considerou hoje que a sua autarquia é credora de compensações similares às concedidas pelo Governo à congénere de Lisboa pela transferência de propriedade de terrenos aeroportuários da administração local para a central.

Trata-se, segundo Rui Rio, de "grande parte" dos terrenos do Aeroporto Francisco Sá Carneiro, que foram expropriados pela Câmara do Porto apesar de integrarem os territórios da Maia e de Matosinhos.

"Grande parte dos terrenos onde está o aeroporto foram expropriados, antes das obras, não só, mas também, pela câmara do Porto. É uma situação análoga [à de Lisboa]. A diferença é que, no Porto, a câmara comprou e expropriou fora do município e em Lisboa foi na área do próprio município", disse, sem precisar o montante que está em causa.