Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Autarcas aplaudem eventual reativação da extração de ouro na serra da Lousã

Lusa

  • 333

Góis, 17 mai (Lusa) -- Autarcas de Góis e Pampilhosa da Serra encaram com entusiasmo a eventual reativação da antiga mina de ouro de Escádia Grande, na freguesia de Álvares (Góis), cujas prospeções para o efeito vão começar em junho.

As primeiras prospeções "deverão durar pelo menos dois meses e há grande probabilidade de terem êxito", disse hoje à agência Lusa a presidente da Câmara Municipal de Góis, Lurdes Castanheira.

Um aviso publicado hoje no Diário da República revela que a Empresa de Desenvolvimento Mineiro (EDM) requereu à Direção-Geral de Energia e Geologia a "atribuição de direitos de prospeção e pesquisa de depósitos minerais de ouro, antimónio, prata, cobre, chumbo, zinco, estanho, tungsténio e minerais associados", na zona de Escádia Grande.