Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Autarca de S. Pedro da Cova, Gondomar, exige "celeridade" na remoção dos resíduos

Lusa

  • 333

Redação, 15 abr (Lusa) -- O presidente da Junta de Freguesia de S. Pedro da Cova, Gondomar, exigiu hoje "celeridade" na remoção os resíduos perigosos depositados nas antigas minas ali localizadas e "respostas mais concretas sobre prazos".

Em comunicado enviado à Lusa, o autarca Daniel Vieira afirma ser "necessária mais celeridade e objetividade na resolução deste problema".

A TSF noticiou hoje que a remoção de 88 mil toneladas de resíduos perigosos de S. Pedro da Cova vai ter de esperar mais algum tempo, uma vez que o concurso público internacional, publicado em Diário da República a 19 de dezembro do ano passado levantou duvidas junto das empresas interessadas.