Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Austeridade: Socialista António Vitorino pede bom senso e diz que primeiro-ministro tem de recuar na TSU

Lusa

  • 333

Lisboa, 18 set (Lusa) - O socialista António Vitorino sublinhou hoje que o primeiro-ministro terá de recuar na questão da Taxa Social Única e considerou "decisivo" o bom senso e o sentido de responsabilidade dos protagonistas políticos para evitar a crise.

"Espero que os protagonistas políticos tenham o bom senso e o sentido da responsabilidade de fazer tudo para evitar uma crise política porque, na atual situação, tão complexa e difícil do país o acrescentar de uma crise política seria tornar ainda mais difícil a recuperação económica, o ajustamento financeiro e a saída da crise", disse António Vitorino.

O político, que falava à margem da conferência "Competitividade e Crescimento de Portugal no Contexto Mundial", da AT Kearney Portugal, que decorre em Lisboa, defendeu que a redução da Taxa Social Única (TSU) para as empresas, complementada pelo aumento da contribuição dos trabalhadores para a Segurança Social, não corresponde aos objetivos que se pretende alcançar.