Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Austeridade: Polícias contra "novo ataque do Governo" admitem organizar protestos - ASPP

Lusa

  • 333

Lisboa, 12 set (Lusa) - A Associação Sindical dos Profissionais da Polícia admitiu hoje protestar caso o Governo não dê uma resposta às questões que continuam por resolver, tendo em conta que as novas medidas de austeridade "duplicam" os problemas dos polícias.

O presidente da Associação Sindical dos Profissionais da Polícia (ASPP), Paulo Rodrigues, disse à agência Lusa que a direção nacional do sindicato vai reunir no próximo dia 26 de setembro para agendar ações de protesto caso não exista, por parte do Governo, "uma resposta clara e uma solução" para as questões que estão por resolver, nomeadamente a colocação de todos os polícias nas tabelas remuneratórias, que entraram em vigor em 2010.

A reunião para decidir os protestos, que podem passar, segundo Paulo Rodrigues, por uma manifestação ou formas de luta de caráter contínuo, serão decididas no dia em que a ASPP tem um encontro marcado com o ministro da Administração Interna, Miguel Macedo.