Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Austeridade: PM está isolado só e tem de recuar -- Porta-voz do PS

Lusa

  • 333

Lisboa, 15 set (Lusa) - O porta-voz do PS defendeu hoje que a posição do CDS-PP sobre as alterações à Taxa Social Única (TSU) demonstra que o primeiro-ministro está isolado quanto a esta medida, mesmo dentro do Governo, e tem de recuar.

"O primeiro-ministro tem de recuar e retirar esta proposta, numa declaração ao país, o quanto antes", declarou João Ribeiro aos jornalistas, na sede nacional do PS, em Lisboa, acrescentando: "Tem de reconhecer que errou e recuar nessa medida. Caso contrário, reafirmamos que o PS apresentará uma moção de censura ao Governo".

Além da posição do CDS-PP sobre as alterações à TSU, João Ribeiro defendeu que "o primeiro-ministro não pode ignorar também o que aconteceu hoje" nas manifestações realizadas por todo o país que, no seu entender, reforçam a ideia de que "esta política do custe o que custar tem de chegar ao fim".