Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Austeridade: Patrão da Fly London ofendido com as afirmações de António Borges

Lusa

  • 333

Lisboa, 29 set (Lusa) -- O presidente do grupo Kyaia, Fortunato Frederico, afirmou hoje que ficou "ofendido" com as afirmações de António Borges, que acusou os empresários que criticaram a redução da TSU, de serem "ignorantes", acrescentando que, "às vezes, dá vontade de desistir".

Defensor de que a descida da Taxa Social Única (TSU) "era uma medida sem pés, cabeça nem coração", Fortunato Frederico, presidente do maior grupo de calçado português, disse que se sentiu "ofendido" e "triste" ao mesmo tempo, com as afirmações do consultor do Governo para as privatizações.

"Tenho que dar uma resposta a esse cavalheiro: serei ignorante de políticas e teorias económicas experimentalistas, mas não sou um ignorante nas relações humanas nem na defesa dos valores humanos", declarou.