Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Austeridade: Mexidas na TSU com "efeito fortemente negativo" sobre consumo interno - CES

Lusa

  • 333

Lisboa, 20 set (Lusa) - O Conselho Económico e Social (CES) considera "muito otimistas" as previsões do Governo relativas às alterações da Taxa Social Única (TSU), prevendo um aumento do défice e um "efeito fortemente negativo" sobre o consumo interno.

De acordo com o Parecer sobre a Proposta de Grandes Opções do Plano (GOP) para 2013, divulgado hoje pelo jornal "Público" e a que a Lusa também teve acesso, o CES sublinha o "efeito fortemente negativo" da subida das contribuições sociais dos trabalhadores", de 11 por cento para 18 por cento, em 2013.

"Sendo fortemente penalizador da procura interna, é contrário ao desejo expresso de combate ao desemprego e introduz mesmo o risco de uma espiral recessiva", avança o parecer do CES, órgão consultivo do Governo que inclui sindicatos, associações patronais e representa os diversos interesses da sociedade portuguesa.