Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Aung San Suu Kyi apela à resolução "pacífica" de protestos numa mina de cobra no noroeste do país

Lusa

  • 333

Banguecoque, 30 nov (Lusa) -- A prémio Nobel da Paz, Aung San Suu Kyi apelou à resolução "pacífica" dos protestos numa mina de cobre no noroeste da Birmânia, que terminaram quinta-feira com mais de 80 feridos, incluindo monges, devido a confrontos com a polícia.

Aung San Suu Kyi esteve quinta-feira na cidade de Monywa, onde decorreu o protesto, para reunir-se com os representantes da companhia mineira e falar com os manifestantes que denunciam o confisco de mais de 31 quilómetros quadrados e exigem que o projeto seja suspenso até que seja debatido convenientemente no Parlamento.

"Procuraremos uma solução pacífica que não prejudique as pessoas e que impulsione a integridade do país", indicou a prémio Nobel em declarações citadas pelo diário The Irrawaddy.